Por volta dos meus 12 anos, minha mãe me presenteou com uma assinatura de revista destinada ao público feminino adolescente. Nessa época, os editoriais de moda já eram a parte que eu corria para ler. Só não entendia muito bem porque não encontrava para mim roupas como aquelas quando ia ao shopping. Frustrada, passei boa parte da minha adolescência pensando que as maravilhosas garotas da capa nada tinham a ver comigo e que a moda não era pra mim, mesmo que a costureira fizesse a réplica perfeita para o meu tamanho. Com o passar do tempo, finalmente, entendi que posso ser linda como nas revistas, sem precisar copiar qualquer tipo de padrão. O look de hoje, portanto, é inspirado na capa da 1ª edição da revista Glamour. Vesti colar C&A, camiseta Oma Tees para Glamour, saia Three Seven e cinto sem marca, herdado da minha irmã.

 

(Foto: Revista Glamour / Reprodução)