Assim que a moda do comprimento mullet começou a pipocar nas vitrines, eu torci o nariz. Achava difícil vestir uma roupa tão (estranhamente) assimétrica. Preconceito puro! Pois eu nem havia vestido uma peça sequer para dizer que não gostava.

Comecei comprando uma saia com pouca diferença entre os comprimentos para experimentar e achei o resultado interessante. Para a minha surpresa, ao receber a caixa da Riachuelo, percebi que já estava totalmente seduzida por essa tendência quando elegi esse vestido como o meu favorito. 

O vestido faz parte da linha Anne Kanner, com numeração até o manequim 54. O meu é tamanho 50 e ficou perfeito, pois ele é feito de um tecido fluido que tem ótimo caimento. Tecidos fluidos possuem, geralmente, uma certa transparência, que atribuem ao look uma mensagem sexy, mas sem perder o frescor que o verão pede. Curto bastante o efeito dos acessórios metalizados e, por isso, escolhi o maxicolar de franjas Madame Papu para dar destaque ao decote. Misturar várias pulseiras também está em alta, ainda mais se você as usar com o hit do verão 2013, o batom  pink (cor 803, da Maybelline)! A sandália é superconfortável por causa do salto grosso e é Vizzano.

ov2