Maybelline_final 

Foto: Reprodução/Maybelline

Notaram que a nossa colunista de beleza anda sumida? Tudo culpa da câmera usada para fotografar os makes! A informação é que o foco não está mais ajudando como antigamente e já apresenta sinais de aposentadoria. A Amanda está bem chateada com isso e nós também, que ficamos (temporariamente) órfãs do seus posts. =( Enquanto isso, sou eu quem vai dar uma dica esperta sobre maquiagem dessa vez.

No Instagram (@julianarbj), compartilhei uma experiência que tive com os produtos da Maybelline, há algumas semanas. A história começa em um dia ensolarado de dezembro carioca, com compromisso importante marcado no horário mais escaldante possível.  Toda arrumada, com cabelo e maquiagem respeitável, você fica diva, um verdadeiro pitéu, e derrete em menos de uma hora mesmo estando no ar-condicionado. Só quem já passou por isso vai entender o quanto é  desesperador chegar estilo Bridget Jones no jantar da ordem dos advogados, ou seja, chegar com a cara toda cagada ao evento. 

O mais curioso é que não tenho pele oleosa, estou acostumada a usar base-corretivo-pó todos os dias e sempre morei no Rio de Janeiro. Não sei o que aconteceu nesse dia, mas notei que, de lá pra cá, a oleosidade da minha pele começou a aumentar com a temperatura. Depois disso, declarei guerra ao calor e me empenhei em buscar produtos para enfrentá-lo. Acabei descobrindo uma linha de maquiagem recém lançada que prometia manter sob controle a oleosidade e o brilho da pele.

Comprei a base e o pó Pure Makeup e já no primeiro dia de uso fiquei muito satisfeita. Demorou para aparecer brilho na testa e no nariz e precisar fazer reaplicação dos produtos. Eles deixaram a minha pele com acabamento bem sequinho e não marcaram os poros. Além disso, possuem  ácido salicílico (aliado na proteção contra bactérias que podem causar acne, promove a esfoliação, desobstrui os poros e afina a pele) na sua composição, têm preço bacana (R$29,90), mas estão disponíveis em apenas quatro tonalidades.  

Outro produto que testei e aprovei foi o queridinho e tão comentado BB Cream. Não é primer nem base, mas desempenha essas funções porque, de acordo com o fabricante, oferece oito benefícios: se ajusta ao tom da pele,  hidrata, suaviza, ilumina, disfarça imperfeições, melhora a aparência da pele, possui  FPS 30 e é oil free. O tom claro ficou ótimo em mim provando que a adaptação de cor funciona. Segurou a oleosidade (não tanto como a base Pure Makeup), cobriu levemente as imperfeições e realmente iluminou a pele, a deixando com a aparência de hidratada e macia.

Se você tem pele oleosa ou procura sobreviver ao verão com dignidade, espero que essas dicas te ajudem.  Eu apenas aguardo ansiosamente o inverno.