Minha história com cintas modeladoras começa na adolescência. Na escola, meninas acima do peso eram alvo de incontáveis gozações a respeito da sua forma física e, acreditem, até a lingerie virava piada! Usar calcinha grande ou calcinha de vovó, como chamavam, era o mais grave dos pecados e rendia boas risadas para os colegas e muita tristeza para mim. Acabei desenvolvendo, por medo de ser descoberta vestindo uma lingerie tamanho GG (ideal para o meu corpo e bem estar), enorme preconceito com qualquer  peça íntima que eu julgava não ser usada por pessoas magras e isso incluía, lógico, a cinta. 

Com o passar do tempo, vem o amadurecimento (ainda bem!) e o entendimento de que existem pessoas que falam besteiras o tempo todo e que não é preciso absorver como verdade coisas que não agregam valor à vida da gente. Não sei dizer o momento certo em que comecei a perder o medo de usar a lingerie adequada ao meu tipo físico, mas sei que foi um processo lento. Comecei comprando calcinha de cintura alta e sutiã com lateral larga e bojo estruturado para me sentir mais confortável. Gostei. Passei para o body e depois para o modelador inteiro (aquele com shortinho) naturalmente. Hoje lamento não ter começado a usar há mais tempo porque percebi que além de ajudar a organizar as minhas gordurinhas, os modeladores sem costura (meus preferidos!) não marcam e fazem a roupa cair melhor no corpo. Aprovo, indico e uso diariamente. 

Dilady, uma das maiores e mais conceituados fabricantes de lingerie do Brasil, me enviou dois modeladores para testar e eu confesso que fiquei muuuuito animada em participar dessa experiência. A primeiro que recebi foi a Cinturita ZipSolution, um corset que promete reduzir medidas com conforto por possuir estrutura com barbatanas maleáveis que acompanham a movimentação do corpo, dando liberdade aos movimentos. 

Visto tamanho 48 e recebi a Cinturita ZipSolution nesse tamanho, mas ela não serviu. Então, pedi à minha irmã, manequim 46, para usá-la e passar todas as impressões. Opiniões sobre esse produto:

CintaDilady

1. “Barriga pra dentro, peito pra fora!” ilustra bem a melhora na postura percebida logo de cara. Mas não precisa ficar com medo porque a correção é light, sem desconforto. 

2. Fechar a cinta nas primeiras vezes de uso pode ser difícil, mas existe um gancho amigo para ajudar o zíper a deslizar mais facilmente na parte superior.

3. Já na parte de baixo, sentimos falta do mesmo gancho para unir os dois lados da cinta e tornar o fechamento mais prático. Você vai precisar com certeza da ajuda de uma pessoa para fechá-la e isso é ruim. Outro ponto fraco é que a cinta às vezes enrola ali na barra com o movimento de sentar e levantar. 

4. A compressão é forte na cintura honrando o nome do produto e média na barriga. O tecido é rígido, não deforma e não acumula odores mesmo quando usada mais de uma vez por muitas horas. 

O segundo produto que recebi e serviu perfeitamente foi um body no tamanho 52. O Modelador ZipMod promete melhorar o contorno do corpo e reduzir em até um tamanho a silhueta. Destacamos os seguintes pontos desse produto: 

dilady3

1. Alças largas e confortáveis na medida: nem tão finas que possam marcar e machucar os ombros, nem tão largas que apareçam sob a blusa.

2. O bojo é estruturado e tem ótima sustentação. O bojo envolve todo o seio e ajuda a dar um formato bem bonito, sem deixar sobrar nada para cima ou para os lados dos seios.

3. Quem acorda atrasada quase sempre e precisa se arrumar correndo, como eu, vai achar o fechamento com zíper ideal para esse tipo de situação. Prático e  muito fácil de fechar, também conta com um ganchinho na parte superior que ajuda a unir os dois lados da cinta e a deslizar melhor. O ponto fraco? O zíper marca sob tecidos mais finos.

4. Ela é feita de tecido confortável que não aperta demais e não deforma a medida em que é usado. Também não acumula odores, possibilitando a utilização por mais  vezes sem necessidade de lavagem. 

5. Gostei da frente feita de tecido mais rígido que comprime levemente para reduzir a barriga. Se eu pudesse mudar alguma coisa nessa peça, colocaria esse mesmo tecido na lateral, logo abaixo do seio (região apontada no tópico 4), onde também acumulo gordurinhas.

6. O fechamento inferior possui regulagem em três tamanhos diferentes, permitindo ajustar na altura mais confortável para cada corpo. 

Recomendo conferir a tabela de medidas antes de adquirir qualquer produto para que eles sirvam perfeitamente e possam apresentar resultados satisfatórios. Ambas estão disponíveis nos tamanhos 42 ao 54. 

Para fechar uma entrevista bacana com a estilista Glória coelho sobre cintas no GNT. Clique aqui para assistir!